Favoritos de 2014 (em construção)

sexta-feira, 7 de agosto de 2015

Fragmentados - Neal Shusterman


Autor(a): Neal Shusterman
Gênero: Distopia
Nro Páginas: 320
ISBN: 9788581635194S

Skoob
Sinopse:
Em uma sociedade em que os jovens rejeitados são destinados a terem seus corpos reduzidos a pedaços, três fugitivos lutam contra o sistema que os fragmentaria .

Unidos pelo acaso e pelo desespero, esses improváveis companheiros fazem uma alucinante viagem pelo país, conscientes de que suas vidas estão em jogo. Se conseguirem sobreviver até completarem 18 anos, estarão salvos. No entanto, quando cada parte de seus corpos desde as mãos até o coração é caçada por um mundo ensandecido, 18 anos parece muito, muito longe.

O vencedor do Boston GLobe-Horn Book Award Neal Shusterman desafia as ideias dos leitores sobre a vida: não apenas sobre onde ela começa e termina, mas sobre o que realmente significa estar vivo.


Nesta sociedade distópica, os jovens de 13 à 18 anos estão sujeitos a serem fragmentados, o que eles chamam de aborto retroativo. Com essa idade, os pais, se não satisfeitos com o desempenho social ou afetivo de seus filhos, podem enviá-los para campos de colheita onde seus corpos serão fragmentados e suas partes doadas ou vendidas para aqueles que precisam. Tudo é aproveitado, cada gota de seu sangue e todos os seus órgãos irão para outra pessoa, onde, dizem eles, você continua-rá vivendo. 

Tudo isso começou a muitos anos atrás. Os velhos o bastante para lembrar contam que ouve a Segunda Guerra Civil, conhecida como Guerra de Heartland, que envolveu o exército Pró-vida e o Pró-escolha; uma guerra sangrenta que, para ter fim, precisaram criar emendas constitucionais. A Lei da Vida foi criada. E é essa lei que aprova o aborto retroativo, e que afirma que a criança tecnicamente continuará viva, mas em forma dividida. 
Outra lei também presente nessa sociedade é a Lei da Cegonha; onde as mães que não desejarem criar seus bebês podem "entregá-lo" para outra família, deixando-o na porta escolhida. Mas precisam correr, pois se forem pegas elas são obrigadas a levar a criança, mas se conseguirem a família que mora naquela casa terá a obrigação de criar o bebê. 
Três jovens fogem do mesmo destino. Três pessoas em fases diferentes de aceitação e sem nenhuma opção de escolha. 

Connor descobre que seus pais irão mandá-lo para a fragmentação e resolve fugir. Mas não sem antes fazê-los enxergar o que estão fazendo, não sem antes melhorar suas notas e parar de brigar na escola; o que não resolve nada já que a papelada já foi assinada, e quando isso acontece não tem mais volta. Sua fuga é interrompida e, em uma estrada movimentada e cercada por Juvis (polícia de jovens) ele faz um refém. 
Lev tem 13 anos e é um dízimo. Desde seu nascimento foi prometido para a fragmentação, já que é o décimo filho e seus pais doam 10% de tudo para a igreja. Ele aceita seu destino e tem orgulho de ser ele o dízimo. Sua viagem para o campo de colheita é bruscamente interrompida e ele é levado como refém por um garoto maluco. 
Risa é uma jovem pianista que mora em uma Casa Estadual, lugar para crianças desabrigadas. Ela está ali desde que nasceu mas está prestes a ir embora, isso porquê não é a melhor pianista, e os "mais ou menos" não têm vez naquele lugar. Risa será fragmentada. Mas, no caminho para o campo de colheita, o ônibus onde está bate em outro carro por conta de uma ação da policia juvenil. É a sua chance para fugir, e nessa fuga ela conhecerá os outros dois fragmentários, Connor e Lev.

Esse é só o começo dessa história. Muita coisa irá acontecer com os personagens; muita aventura, transformações no caráter, muitas perdas e muito sofrimento pois, além de lidarem com a fuga cada vez mais difícil, eles lidam com a rejeição, com a incerteza e com o medo. São apenas crianças; crianças que se não correrem, acabarão fragmentadas. 


O livro é narrado sob diversos pontos de vista, o que é maravilhoso pois assim podemos saber o que cada personagem está fazendo/pensando e sobre o passado deles; muito melhor do que ter que esperar um personagem principal descobrir cada coisa. Esse tipo de narrativa caiu como uma luva para Fragmentados. Não temos apenas a visão dos fugitivos, temos a visão de uma pessoa que recebeu um transplante de cérebro, de uma mãe que está dando seu bebê para outra família etc.  Claro, o foco é mantido nos personagens principais: Lev, Risa e Connor. Os três são muito diferentes um do outro e passam por dolorosas e angustiantes transformações no caráter devido a tudo o que são obrigados a passar. Todos eles foram maravilhosamente bem construídos! 

O ritmo de leitura é maravilhoso e a narrativa é de fácil entendimento. O autor não se aprofunda muito na guerra que aconteceu portanto só sabemos o que os personagens sabem, o que não é muito, mas isso não incomoda nem um pouco pois o que o autor entrega durante a leitura é o suficiente para não ficar "no escuro". 
As cenas de ação, suspense e terror são de tirar o fôlego. Vocês já assistiram o booktrailer? O que estão esperando?! (Assista aqui)
O final é de fragmentar o coração de qualquer um, não por ser trágico (é trágico mas não tanto), mas por ser tão original, por tudo o que os personagens fazem para continuarem vivos e em estado único. E vocês só saberão se eles conseguem quando lerem o livro :)
Fragmentados foi a melhor distopia que já li. A mais intensa e desafiadora e a que mais me prendeu. A ressaca literária é consequência... 

Pelo que vi no Goodreads é uma serie de 4 livros, mas o final desse é bem fechadinho. Agora me resta torcer para que a novo conceito lance todos! 

Uma ótima leitura para os fãs de distopia, suspense e ação. E como essa resenha ficou grandinha irei colocar os quotes que marquei em outro post :)

27 comentários :

  1. Olá Gabrielly, eu estou com esse livro para ler também e só não peguei ainda por falta de tempo, sabe que não sou muito fã de distopias mas esse é um que estou muito curiosa. A premissa dele é bem curiosa e estou super interessada. Parabéns pela sua resenha!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também não sou muito fã do gênero não, li pouquíssimos! Mas esse sem dúvidas foi o melhor e já estou super empolgada para ler a continuação :D
      Obrigada <3

      Excluir
  2. Nossa! Eu sempre tive vontade de ler esse livro, quando eu vi fiquei babando... Ainda não tive a oportunidade, mas um dia irei ler.

    Atenciosamente Um baixinho nos Livros.

    ResponderExcluir
  3. Oi, Gabi. A NC sempre gosta de trazer esses lançamentos bombásticos. Tô querendo ler este livro, querendo mesmo. Mas é impossível não querer depois de tantas resenhas positivas.
    Beijo,
    http://www.pactoliterario.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, a NC está arrasando nos lançamentos! Leia mesmo, Ana!! :D

      Excluir
  4. Oi!
    Já vi varias resenhas sobre esse livro e confesso que estou bem curiosa para ler.
    Beijos!
    www.lindaestante.com.br

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Não sou fã de distopias, mas essa é uma que me chama muito a atenção!
    Adorei de verdade a premissa, o book trailer é de agoniar qualquer um e com certeza esse livro será lido!
    Ótima resenha!
    Beijos!

    www.livrosdajess.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tbm não sou super fã, mas esse ano estou abrindo mais espaço para novos gêneros e me surpreendendo :) O trailer parece mais de filme de terror... adorei, hehe.
      Obrigada <3

      Excluir
  6. Oie Gabrielly!
    Também amei fragmentados, tanto que mal dei detalhes da história na minha resenha, queria que todos sentissem como eu e senti e parece que você sentiu como eu! Não vejo a hora da NC publicar as continuações, vou morrer logo, logo sem essa continuação!
    Beijos!!

    LuMartinho | Face

    ResponderExcluir
  7. Oi Gabi, tudo bem?
    Admito que li sua resenha por alto porque essa é minha leitura atual e quero ser surpreendida com todo detalhe.
    Mas percebi que fragmentados tem conquistado os leitores e eu sou fã de distopia, acredito que vou me encantar também.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?? Tinha visto sobre este livro, mas ainda não tinha decidido se comprava ou não. Esta indecisão de saber se vão lançar todos os livros de uma serie é que me faz pensar seriamente.
    Adorei a resenha!
    Beijos, Larissa (laoliphant.com.br)

    ResponderExcluir
  9. MEEEEU DEUS, flor. Estava só esperando "sua" resenha (rs). Eu já tinha adicionado o livro entre os meus desejados, apenas pela sinopse incrível e porque amo distopias, mas a sua resenha (sendo a primeira que leio a respeito) me deixou sem fôlego e com a certeza de que esse livro merece estar entre os meus top desejados!
    Preciso investir nessa leitura, haha. Obrigada por confirmar minhas suspeitas… O livro parece ainda melhor do que achei que fosse.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Olá tudo bom?
    eu fiquei em estaze quando vi esse lançamento, queria muito ler esse livro, estava precisando de uma boa distopia que deve ser esse livro, outra coisa que eu me surpreendi foi com a Tralhe que a editora postou no Facebook, amei de mais
    Bjks
    Passa Lá - http://ospapa-livros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Quem me conhece teve/tem que lidar comigo falando sempre desse livro. Foi uma leitura tão surpreendente boa e no final ele ficou nos favoritos do ano.
    O fato da história já ter sido meio que finalizada me encanta, porque o autor conseguirá os leitores dos próximos livros não porque eles terão que ler para saber o que aconteceu com os principais, mas sim porque querem conhecer um pouco mais a história.
    Gostei bastante da sua resenha!

    Beijooos
    Toca dos Livros

    ResponderExcluir
  12. Eu adoro distopias e tô amando essa nova onda de distopias que surgiu. Mas essa me deixou com medo! Gente, imagina fazerem isso nas pessoas?! QUE HORROR! Já quero ler, hahahaha

    Beijo! ;*

    ResponderExcluir
  13. Olá; só pela capa, eu não tinha ficado interessada no livro, mas após ver resenhas e conhecer um pouco mais sobre a história, estou louca para ler "Fragmentados"!!! Gostei da sua resenha.

    ResponderExcluir
  14. Ooooi :D

    Este é um daqueles livros que chama minha atenção, mas que eu fico com receio de iniciar a leitura por ser uma série.
    Estou com algumas séries "abertas" e não me arrisco a sofrer por mais uma! hehe

    bjs

    ResponderExcluir
  15. Oi Gaby
    Eu assisti o book trailer sim e MDS :o É perturbador kkkkk
    Adorei sua resenha e fiquei ainda mais curiosa para ler o livro, estou esperando um promoção para compra-lo.
    E você me deixou curiosa sobre esse final de fragmentar nossos corações.
    Amei

    ResponderExcluir
  16. haha, geralmente quando gostamos da leitura a resenha sempre fica maior, haha, então eu estou lendo esse livro e to achando muito bom tbm, pode chegar a ser uma das melhores distopias que já li
    Adorei tua resenha ^^
    www.guildadosleitores.com

    ResponderExcluir
  17. Genteeee este livro é muito babado eu preciso ler esta obra para ontem rsrs adoreiii a resenha.. bjs e parabéns
    http://florroxapoemasepoesias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Serio que todo mundo leu esse livro, menos eu? Me senado excluída . Ele est

    ResponderExcluir
  19. Oi, Gabrielly!
    Você só me deixou ainda mais curiosa para ler esse livro, ele já está na minha estante só esperando um tempo para me jogar na leitura. Gosto bastante de distopia e acho que vou adorar essa leitura! :)

    Beijos,

    Rafa [ blog - Fascinada por Histórias]

    ResponderExcluir
  20. Quero muito ler este livro, eu o tenho aqui e logo lerei! O BOOK TRAILER é show! Que book! Cara amei demais sua resenha e me deixou bastante curioso para ler!

    Abraços e até!

    http://lendoferozmente.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Oie, tudo bom?
    Eu adoro distopias e a premissa dessa nova distopia da NC me conquistou muito. As resenhas estão positivas e a história parece ser extremamente eletrizante e diferente de qualquer coisa que eu tenha lido. Espero ser impactada pela história como você foi. Bom saber que esse livro tem um final fechado, mesmo sendo uma série.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Oi, tudo bem?
    Meu amigo apesar de ser louca por distopia esse livro eu não leria nem sobre tortura (rs).
    Me arrepiei quando comecei a ler, passei pro meu esposo ler porque tá doido que eu iria continuar kkk.
    Fico feliz que você tenha gostado, sinal que ele realmente é bom só não é bom para mim, que soou uma medrosa kkkk eca nada de corpo sendo mutilado para doar pra outra pessoa. ¬¬ eca

    Beijocas da Deebs!

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar!