Favoritos de 2014 (em construção)

sexta-feira, 24 de junho de 2016

Uma Vida Pequena, de Hanya Yanagihara

Autor: Hanya Yanagihara
Título original: A Little Life
Páginas: 784
Editora: Record
Skoob
*exemplar cedido em parceria com a editora.

SinopseQuando quatro amigos de uma pequena faculdade de Massachusetts se mudam para Nova York em busca de uma vida melhor, eles se veem falidos, sem rumo e amparados apenas por sua amizade e por suas ambições. Willem, lindo e generoso, é aspirante a ator; JB, nascido no Brooklyn, é um pintor perspicaz e às vezes cruel que busca de todas as formas ingressar no mundo das artes; Malcolm é um arquiteto frustrado que trabalha numa empresa de renome; e o solitário, brilhante e enigmático Jude funciona como o centro gravitacional do grupo. Com o tempo, o relacionamento deles se aprofunda e se anuvia, matizado pelo vício, pelo sucesso e pelo orgulho. No entanto, seu maior desafio, como cada um passa a perceber, é o próprio Jude, um litigante extremamente talentoso na meia-idade, porém, ao mesmo tempo, um homem cada vez mais atormentado, a mente e o corpo marcados pelas cicatrizes de uma infância misteriosa, e assombrado pelo que teme ser um trauma tão intenso que não só não será capaz de superar mas que vai definir sua vida para sempre.


Uma Vida Pequena narra a história de quatro amigos: Willem, que sonha em ser ator mas, enquanto a oportunidade certa não chega, trabalha como garçom; Jude, estudante de direito que tem um passado traumático, o qual nunca revelou para seus amigos; JB, um artista filho de haitianos que espera ter seu trabalho enfim reconhecido e Malcom, estudante de arquitetura que espera um dia sair de sob as asas dos pais, que ainda o sustentam. 

Os quatro se conhecem na faculdade, e passam por diversos perrengues juntos: a falta de dinheiro, as crises existenciais, as autodescobertas... E, no caso de Jude, episódios tão intensos de dor que o faz perder os sentidos. Também passam por diversas brigas entre eles, algumas pequenas, outras maiores, mas no fim sempre fazem as pazes, de um jeito ou de outro.
"O único segredo da amizade, acredito eu, é encontrar pessoas melhores que você, não mais inteligentes, não mais bacanas, mas sim mais bondosas, mais generosas e mais piedosas, e tentar dar ouvidos a elas quando dizem algo sobre você, não importa o quanto seja ruim, ou bom, e confiar nelas, o que é a coisa mais difícil. Mas também a melhor."
Os anos passam, o mundo muda; os amigos mudam, alguns se afastam, outros somem; segredos são guardados, alguns revelados. Mas esse grupo continua unido, e a linda amizade e os laços de respeito, amor e confiança são testados, porém não se soltam de fato. 

Jude, "centro gravitacional do grupo" é um personagem solitário, pouco comunicativo e muito misterioso, e o  que acaba sendo o personagem principal da trama; o que a autora escolheu para desenvolver, para apresentar ao leitor de diferentes ângulos e sob diversas lentes. E ela faz isso com maestria. 

Quando eu digo que Jude sofreu muito no passado, eu quebro totalmente os conceitos de sofrimento, dor e crueldade. Eu avanço sobre todos eles e chego a algo que ainda não tem nome: é pior que cruel, pior do que  possamos imaginar. Apenas, acreditem, é horrível. É um passado que não é totalmente aberto aos leitores no começo, e sim algo que se mostra aos poucos, e essas voltas pelo passado de Jude são tão comoventes e dolorosas que causam no leitor primeiro incredulidade, depois tristeza, passando por raiva, impotência; Hanya Yanagihara mostra o pior do ser-humano, a parte mais podre, mais infeliz. O pior  é saber que, o que aconteceu com esse personagem, poderia ter acontecido na vida real, pode estar acontecendo agora. 
"Às vezes parecia que tinha medo de tudo, e isso era algo que odiava em si mesmo. Medo e ódio, medo e ódio: muitas vezes aquelas pareciam ser as únicas características suas. Medo de todo mundo; ódio de si mesmo."
Por ter vivido tamanhos traumas, a fase adulta de Jude não é um mar de rosas, e ele carrega as marcas no corpo. Tem problemas para confiar nas pessoas e com demonstrações físicas de afeto. Jude se odeia. E não entende como os amigos podem gostar dele, como alguém poderia. Ele vive esperando o momento em que, novamente, será castigado.


Nesta obra-prima (porque a palavra "narrativa" de repente se torna muito pequena), nós embarcamos na vida de quatro amigos; entramos tanto em suas vidas, adentramos tanto e tanto, que, e não surpreende, começamos a sentir o que sentem, a torcer por eles, a sentir medo, dor e aflição com e por eles. O leitor deixa de ser leitor, deixa de existir fora do livro; quando aceitamos o desafio de encarar suas 784 páginas, fazemos parte de Uma Vida Pequena. E eu não poderia estar mais feliz por ter aceito.

Hanya é uma autora fantástica. Criou uma trama original, tão densa quanto envolvente. Um livro para ser apreciado, com personagens fortes, únicos e inesquecíveis. É um drama intenso, que pega o leitor desprevenido e brinca com suas emoções até o final. 

Por mais que o personagem Jude se torne o centro do livro, os outros personagens também foram maravilhosamente bem construídos; e além dos amigos, temos personagens secundários formidáveis, como Andy e Harold, que fizeram muita diferença na trama.

Uma das coisas que mais gostei no livro (e, como puderam perceber, eu gostei de tudo) foi o desenvolvimento dos personagens, as mudanças que pude observar em cada um conforme o tempo ia passando; seus sonhos se tornando realidade, os tropeços, as tragédias; os amores, a solidão, o vazio; as surpresas, a fama, a satisfação pessoal e profissional; a falta de tudo, o excesso de tudo. O quão pequena é a vida em comparação com o tamanho dos nossos sonhos e de tudo que queremos realizar.

Não sei mais o que dizer para convencer você a largar o que está fazendo e ir ler esse livro. Já falei que esse foi o melhor livro que li em toda minha (pequena) vida? Pois foi.

É um calhamaço, sim, mas não tenha medo. A resenha pode ter ficado enorme, mas não falei nem metade do que tem aqui, e nem metade do que a leitura me causou.

Sobre a edição: encontrei poucos erros de revisão. A tradução está muito boa também. A capa, devo acrescentar, se tornou uma de minhas favoritas, por passar bem o conteúdo do livro e retratar um dos personagens mais lindos de todos os tempos.

E sobre a amizade,

"Amizade era testemunhar o lento gotejar de tristezas, as longas crises de tédio e os triunfos ocasionais do outro. Era sentir-se honrado pelo privilégio de estar presente durante os momentos mais sombrios de outra pessoa e saber que você também podia ter seus momentos sombrios perto dela." 

26 comentários :

  1. Oi, tudo bem?
    Que resenha incrível, fiquei admirada com sua capacidade de descrever tão bem a história é despertar a vontade de ler.

    Confesso que me assustou um pouco com a quantidade de páginas, mas ainda assim me senti tentada a ler por dois motivos básicos:
    1. O tema central ser amizade: faz tempo que não leio nada que fique apenas no âmbito da amizade. Ressaltando a importância dessa relação para o nosso crescimento como ser humano. E pelo o que entendi da sua resenha, isso foi alcançado com louvor nessa trama.

    2. Drama: estou numa fase da vida na qual quero muito conhecer histórias de dor, sofrimento, dramas profundos e intensos, que poderiam ser reais. Acho que esse tipo de livro nos ensina a ser mais empáticos e isso é muito importante para mim.

    Bem, achei incrível esse livro é, com certeza, irei anotar essa dica. Muito obrigada.

    Ingrid Cristina
    Plataforma 9¾

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ingrid, tudo bom? Fico muito feliz que tenha gostado da resenha e se interessado pela leitura. Obrigada pelo lindo comentário <3 Espero que goste tanto quanto eu.
      Beijos!

      Excluir
  2. Olá, eu não conhecia a obra,mas fiquei bem intrigada quanto a amizade deles e ainda mais curiosa diante do desenvolvimento individual. Imagino que a trama deve explorar bem as relações e cada detalhe, ainda mais por ter mais de 700 páginas. Claro que sua resenha mega empolgante conseguiu me convencer a querer ler essa "obra prima" o mais rápido possível. Muito obrigada pela indicação!

    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que se interessou pelo livro, Fer! Espero que leia e goste bastante :D
      Beijos!

      Excluir
  3. Eu ainda não conhecia o livro e achei a trama tão intensa. Deve ser uma leitura muito impactante e fiquei interessada para entender mais sobre os detalhes. Mesmo sendo um livro com muitas páginas eu acho que a leitura pode ser muito proveitosa e por fim , nem acabaria percebendo as páginas se passando. Só uma coisa que eu não gostei, a capa :(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um drama bem intenso, Beatriz. Achei que a capa conseguiu passar bem isso ao leitor. Espero que goste da leitura!
      Beijos

      Excluir
  4. Eu adorei a primeira citação, me fez repensar um pouco sobre a vida. E a nessa fase da faculdade é isso que acontece, ne?Nos unimos provavelmente a amigos que vamos levar pro resto de nossas vidas. Fiquei muito curiosa sobre o segredo de Jude, mas não sei quao bom seria sabe-lo, as vezes um spoiler poupa a dor da leitura ): hahaha Me vejo exatamente nesse momento da vida, e sei que nessa época nem tudo sao flores, espero que o final tenha agradado, porque eu quero que o meu me agrade!

    ResponderExcluir
  5. Olá,
    Sua resenha está bem detalhada e me despertou uma grande vontade de ler o livro. Adoro histórias que envolvem amizade. Parece uma história densa pela quantidade de páginas, mas pela forma envolvente com que descreveu, leremos em um piscar de olhos.

    Amei o blog, já seguindo :)
    Super Beijo,
    Juliana.
    http://www.fabulonica.com/

    ResponderExcluir
  6. Olá Gabrielly,
    Adorei sua resenha, está incrível e me fez ficar bem curiosa em relação a essa leitura.
    Sou muito fã de livros sobre amizades, mas, no início, havia pensado que não queria ler esse livro, pois Jude parece ter vivido muitos traumas e não preciso desse tipo de leitura, sabe? Mas, conforme fui me aprofundando em sua resenha fui me encantando e sentindo necessidade de ler esse livro.
    Esse trecho sobre amizade é maravilhoso e mais do que fala desse sentimento incrível.
    Beijos ♥
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  7. Oi, Gabrielly! Eu não conhecia o livro, mas agora preciso ler! Adoro histórias de amizade e os personagens devem ter idade próxima da minha, então rola uma identificação com os perrengues dessa vida de adulto. Também me interessei pelos traumas do Jude, personagens assim na mão de bons autores tendem a render boas histórias.

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    Não conhecia o livro e quando vi a quantidade de páginas me assustei, rs.
    Mas pela sua resenha imagino que deva valer a pena cada uma dessas páginas e já fiquei curiosa para saber o que aconteceu no passado horrível de Jude.
    Bjs

    ResponderExcluir
  9. Primeira resenha que vejo sobre esse livro e posso dizer que estou encantada com as suas impressões. Ele me parece trazer tantas coisas para refletirmos. Pelo que vejo a autora soube transmitir os sentimentos dos personagens de uma maneira que praticamente vivemos o que eles estão passando e nem vemos as páginas passarem. Enfim, agradeço a indicação e vou procurar ler o mais breve possível.

    Beijos
    Vento Literário / No Facebook / No Twitter

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Eu ainda anão tinha visto resenha dessa obra! Acredita? Rsrs, eu não sabia direito do que se tratava a obra, por isso fiquei super surpreso com a sua resenha. Histórias com amigos são sempre legais, principalmente em saber que um deles tem um passado emcubado Rsrs. Só fiquei bem assustado com a quantidade de páginas, ele é um baixa de um tijolo, e sempre tenho medo de ler livros assim (até por preguiça) mas spero ter a chance de ler em breve, até mais vê
    Bjks

    ResponderExcluir
  11. Oi Gaby!
    MDS, COMO FAZ PRA QUERER ADIAR A LEITURA DESSE LIVRO SENHOR?
    Eu vi ele na lista de pedidos da Record, mas devido ao tamanho, acabei não solicitando porque não sabia se daria conta antes do prazo terminar, mas eu quero muito ler D: MDS, parece muito emocionante. E olha esses quotes. As resenhas que vi sobre ele até o momento são todas extremamente positivas. Eu baixei em pdf e vou ler. Prometo. PRECISO.

    Abraços
    David
    http://territoriogeeknerd.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Olá, pelo título e a capa eu não imaginava que o livro pudesse ser tão bom assim! Após ler a sua resenha, me parece uma obra que eu certamente vou gostar de ler, por trazer personagens (especialmente o protagonista) com dramas tão interessantes. Sua resenha me convenceu a ler o livro!

    ResponderExcluir
  13. Oi, Gaby
    Estava acompanhando suas fotos desse livro no instagram e tinna certeza que sua resenha seria positiva. E que resenha!
    O número de páginas é algo que pode assustar, mas a trama e tudo o mais parece ser tão profundo que fiquei mais que curiosa para ler, depois de sua resenha.
    Quanta sensibilidade para falar desse livro. Quero muito ler.
    Amei a resenha.

    ResponderExcluir
  14. Oiee ^^
    Como eu tenho uma queda estranha por personagens sofridos, solitários e misteriosos, já quero conhecer o Jude...haha' acho que já tinha visto a capa deste livro antes, mas não sabia do que ele se tratava. Fico feliz E aliviada em saber que os personagens foram bem desenvolvidos, e que a autora conseguiu te conquistar. A história parece ser dolorida de se ler, mas eu fiquei mesmo muito curiosa! Espero poder lê-lo em breve :)
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Oi!!
    Não conhecia esse livro. A trama envolve amizade de momentos dramáticos, isso chamou a minha atenção. Você passou tanta emoção na resenha que eu fiquei curiosa, gostaria de ler essa obra.
    Deve ser emocionante acompanhar a trajetória dos personagens. Dica anotada.
    Beijão!

    ResponderExcluir
  16. Oi, tudo bom?

    A historia parece ser incrível! Você conseguiu me deixar bem curioso para ler esse livro, mas são tantas paginas... Talvez eu não o leia agora, mas com certeza ele já está na minha Wishi List, afinal, o desenvolvimentos do Jude, já me deixou com algumas teorias.

    Abraços,
    http://perdidoemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Oi, Gabrielly!
    Sua resenha está incrível, adorei! Vi esse livro por aí, mas não fiquei tentada a saber mais sobre ele, me surpreendi em saber que a história é tão intensa assim. Fiquei realmente curiosa, mas por ser um calhamaço vou precisar adiar um pouco a leitura, já estou lendo um calhamaço e não dá para encaixar outro agora! hahaha

    Beijos,

    Rafa [ blog - Fascinada por Histórias]

    ResponderExcluir
  18. Olá, tudo bem?

    Eu ainda não conhecia esse livro! E apesar de achar a sinopse meio longa e confusa, a sua resenha acabou me mostrando que devo lê-lo!

    Estou bem curiosa com a história e mais curiosa ainda pra conhecer o passado de Jude.

    Obrigada pela dica de leitura!

    Beijos e até mais!

    www.dreamsandbooks.com

    ResponderExcluir
  19. Olá Gabrielly!
    É a primeira resenha desse livro que leio, porque até o momento só conhecia a sinopse. Gosto de livros que tenham como tema a amizade e apesar que eu não sabia que a obra é um calhamaço, fiquei com muita vontade de ler ao saber que os personagens desenvolvem e crescem ao longo da trama, e que esse foi o melhor livro que você já leu. Acredito que essa leitura pode me trazer muitos aprendizados também.
    Parabéns pela resenha!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  20. Oi Gabi,
    ainda não conhecia o livro mas parece ser algo mesmo muito tocante. Sua resenha ficou linda, você conseguiu transmitir tudo o que sentiu com a leitura. Fiquei muito curiosa sobre o que aconteceu com o Jude, o que será que fizeram para que ele se sentisse tão diminuído? Decidi que preciso ler o livro para saber mais sobre a vida desses quatro amigos. Esse tipo de história me lembra filmes como Um Sonho de Liberdade ou A Sociedade dos Poetas Mortos.
    Amei a resenha, beijos!

    ResponderExcluir
  21. Oi,
    Não conhecia o livro, mas amei a sua resenha, muito bem escrita e passou bastante sentimento da leitura.
    Parece ser uma história forte e impactante, não sei se tenho estrutura para isso.
    Fiquei impressionada com os relatos
    beijos

    ResponderExcluir
  22. Olá,
    Já tinha visto o livro logo quando foi lançado, mas não cheguei a ver nenhuma resenha dele. Além disso, não cheguei a procurar do que se tratava. Fiquei extremamente curiosa com a sua resenha e quero saber o que aconteceu no passado do personagem para ele não confiar em ninguém e se odiar. Não consigo imaginar algo terrível e por isso quero descobrir.
    Beijos,
    Delírios Literários da Snow

    ResponderExcluir
  23. Oiii Gaby linda!!!!!
    Adorei a resenha, não reparei nesse livro no catálogo! :(
    Histórias assim, que narram jornadas, costumam ser muito enriquecedoras. Ainda mais se envolvem relacionamentos (no caso, amizades profundas, que quase nunca são fáceis)!
    Que delícia uma experiência de leitura como esta, em que mergulhamos no universo do livro e nos tornamos íntimas dos personagens! Apesar de a abordagem ser bastante pesada, pelo menos em relação ao Jude, né?
    Que linda a passagem sobre amizade no final!
    Obrigada pela recomendação, gostei muito! Vai pra wishlist! :)
    Beijooooo, querida!
    Nati (Redemunhando)

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar!